Plantio de mudas reúne crianças da ala pediátrica do Hospital Metropolitano

Crianças da Unidade de Internação Pediátrica (UIPedi), do Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência (HMUE), deram continuidade às ações de sustentabilidade da Semana do Meio Ambiente, com a plantação de mudas no jardim do Hospital. O ato ocorreu na manhã desta sexta-feira (12), e contou ainda com orientações sobre a importância da preservação do meio ambiente, assunto que foi discutido também entre familiares e colaboradores.

Todos ficaram animados e quiseram participar de todo o processo do plantio, que envolveu instruções de como tratar o solo, como regar as mudas e que nutrientes são necessários para o desenvolvimento das plantas. O objetivo da atividade é ampliar as áreas verdes do HMUE, unidade gerenciada pela Pró-Saúde, e promover a conscientização quanto a importância do cuidado com o meio ambiente.

“Eu achei bem divertido plantar essas mudinhas, pois nós ajudamos a natureza e quando elas crescerem vão ajudar a gente também, com mais sombras e deixar o clima menos quente”, disse animado o paciente Josué Pavaroni, de 10 anos de idade.

Ana Clara Marruaz, de 11 anos, explicou que essa é a primeira vez que planta uma muda e prometeu que vai voltar ao local, só para garantir que ela cresça saudável. “Quando as plantinhas crescerem, esse espaço vai ficar bem mais bonito, por isso, eu vou cuidar delas, pois elas precisam crescer fortes e bonitas”, comentou.

A ação desta sexta-feira encerra as atividades alusivas ao Dia Nacional do Meio Ambiente, comemorado no dia 5 de junho. O Hospital Metropolitano, por meio do setor de Sustentabilidade, desenvolve ações durante o ano todo como forma de conscientizar, não só pacientes e acompanhantes, mas todos os colaboradores que integram a unidade sobre questões relacionadas à natureza e o meio ambiente.

“É por meio da sustentabilidade que conseguimos elencar as principais necessidades para alcançar os objetivos de uma sociedade, em que todos, pessoas e natureza, são devidamente respeitados”, ressaltou o diretor Hospitalar do HMUE, Itamar Monteiro. Ele aproveitou ainda para agradecer a todos os colaboradores e pacientes que participaram da ação.

Sobre a Pró-Saúde

A Pró-Saúde é uma entidade filantrópica que realiza a gestão de serviços de saúde e administração hospitalar há mais de 50 anos. Seu trabalho de inteligência visa a promoção da qualidade, humanização e sustentabilidade. Com 16 mil colaboradores e mais de 1 milhão de pacientes atendidos por mês, é uma das maiores do mercado em que atua no Brasil. Atualmente realiza a gestão de unidades de saúde presentes em 24 cidades de 12 Estados brasileiros — a maioria no âmbito do SUS (Sistema Único de Saúde). Atua amparada por seus princípios organizacionais, governança corporativa, política de integridade e valores cristãos.

A criação da Pró-Saúde fez parte de um movimento que estava à frente de seu tempo: a profissionalização da ação beneficente na saúde, um passo necessário para a melhoria da qualidade do atendimento aos pacientes que não podiam pagar pelo serviço. O padre Niversindo Antônio Cherubin, defensor da gestão profissional da saúde e também pioneiro na criação de cursos de Administração Hospitalar no País, foi o primeiro presidente da instituição.